Embarque Nacional: que documento utilizar?


Muitos amigos e turistas me perguntam sobre quais os documentos aceitos para viajar tanto em roteiros rodoviários quanto em roteiros aéreos. Neste post publiquei as regras de documentação para Viagens Rodoviárias Nacionais. Mas, mesmo com essas dicas, sempre consulte os órgãos competentes ou a agência de turismo que vendeu o pacote turístico para você, sobre a documentação aceita naquele período, pois muitos procedimentos mudam sem aviso prévio.


VIAGEM RODOVIÁRIA NACIONAL (ADULTOS E ADOLESCENTES DE 12 A 18 ANOS)

De acordo com a ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres - Resolução nº 4308, de 10 de abril de 2014 ) são aceitos para embarque de adultos e adolescentes em Viagens Rodoviárias Nacionais, os seguintes documentos:

-Carteira de Identidade (RG);

-Carteira de Identidade emitida por Conselho ou Federação de categoria profissional, com fotografia atualizada;

-Cartão de Identidade expedido por Ministérios ou órgãos subordinados à Presidência da República, incluindo o Ministério da Defesa e os Comandos da Aeronáutica, da Marinha e do Exército;

-Carteira de Trabalho;

-Passaporte Brasileiro;

-CNH (Carteira Nacional de Habilitação).


VIAGEM RODOVIÁRIA NACIONAL (CRIANÇAS ATÉ 12 ANOS):

-Carteira de Identidade (RG);

-Passaporte brasileiro;

-Certidão de nascimento;

IMPORTANTE: Nenhuma criança poderá viajar para fora da Comarca de onde reside, desacompanhada dos pais ou responsável, sem expressa autorização judicial. Porém, caso a criança esteja acompanhada de um parente de até terceiro grau e maior de idade, comprovando documentalmente o parentesco, não será necessário a autorização judicial.


Para viagens em território nacional, os documentos citados acima, tanto para adultos quanto para crianças e adolescentes, podem ser aceitos no original ou cópia autenticada em cartório, independentemente da respectiva validade, desde que seja possível a identificação do passageiro.


VIAJANTES ESTRANGEIROS:

-Passaporte estrangeiro;

-Carteira de Identidade de Estrangeiro (CIE);

-Identidade Diplomática ou Consular

-Protocolo de pedido de CIE expedido pelo Departamento de Polícia Federal em substituição ao documento original, pelo período máximo de 180 (cento e oitenta) dias contados da data de sua expedição.



Antes de sair de casa, não esqueça de verificar se pegou todos os documentos necessários para não ter nenhuma surpresa desagradável na hora do embarque e boa viagem!



Destaque
Tags
Nenhum tag.